Linhas viúvas, linhas órfãs e forcas – Cuidado com elas no seu layout

Você sabe a diferença entre linhas órfãs, linhas viúvas e forcas? Entenda como cada uma delas ocorre e por quê evitá-las em seus projetos editoriais.

Se você já teve a oportunidade de trabalhar longos períodos de tempo com aplicativos editores de texto, já deve ter ouvido falar ou lido sobre as linhas órfãs e linhas viúvas, ou até das forcas. Se não, acho que este artigo pode lhe ajudar a prestar um pouco mais de atenção nos seus layouts de agora em diante.

Quando trabalhamos com de que envolvem grandes volumes de texto, pode acontecer de esquecermos pequenos detalhes que fazem a diferença sobre o resultado final do layout.

Estes pequenos detalhes podem estar relacionados à maneira como os parágrafos e as linhas se agrupam na página, o que pode gerar três fenômenos que vamos conhecer agora.

Linhas Órfãs

Uma linha órfã é a primeira linha de um parágrafo, impressa sozinha, na parte inferior de uma página. Veja no exemplo abaixo como um parágrafo começa com apenas uma linha no final da página e o restante foi empurrado para a segunda página.

linha órfã
Se a primeira linha do parágrafo ficar sozinha no fim da página: linha órfã

Linhas viúvas

De modo semelhante, a linha viúva é a última linha de um parágrafo, que é impressa sozinha na parte superior de uma página, como mosto no exemplo abaixo.

linha viúva
Se a última linha do parágrafo estiver sozinha no começo de uma página: linha viúva

Forcas

Além dos casos onde ocorrem linhas órfãs ou viúvas, podem acontecer as denominadas forcas, que nada mais são que sílabas de palavras hifenizadas, que ficam soltas no final ou no inicio de uma coluna ou página.

Veja no exemplo abaixo que a palavra foi hifenizada, deixando apenas algumas sílabas no final do parágrafo.

forca
Se apenas parte de uma palavra fica sozinha no final do parágrafo: forca

Embora o uso destes fenômenos também seja empregado de forma proposital em alguns layouts, a sua inobservância pode deixar o resultado feio, esquisito e com um ar de que “está faltando alguma coisa”. Sabe quando você olha para um projeto e não consegue perceber o que está errado? Podem ser as ditas cujas.

Espero que tenha gostado das dicas e que elas lhe sirvam para aprimorar seus futuros layouts. Se você quiser saber como corrigir estes fenômenos usando o InDesign, eu fiz um tutorial sobre isso que você pode conferir abaixo.

Você também pode gostar de ler:

Qual a relação do cinema com o design?

Você sabia que o design tem uma forte relação com o cinema? Veja nesse artigo quais são alguns dos elementos que envolvem a criação de um filme e que podem contar com o trabalho de um designer, seja de forma direta ou indireta

0 0 votes
Deixe sua nota
Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Cláudia Queiroz
Cláudia Queiroz
16/04/2019 18:44

e quando a última palavra da frase é grande para juntar na mesma linha, porque espreme tudo, mas quando separamos ela fica sozinha na linha de baixo? qual o tamanho aceitável para deixarmos sozinha na linha de baixo? eu costumo usar o critério de 5 caracteres, pois até quatro é possível juntar na linha de cima sem espremer muito. Há uma regra para isso? Estou correta?

enio ricardo de farias
27/07/2017 20:57

Que nome se dá ao design de dividir uma palavra na vertical sem respeitar as sílabas.?
Por exemplo na ortografia é assim: su-ces-so

Mas eu quero usar assim em uma publicidade:
SU
CE
SSO

Que nome dá para esse efeito ?

Aristides Darlan
Aristides Darlan
08/07/2017 09:40

Levando em conta que órfã é ‘sem pais’, a última linha de um parágrafo solitária no início de uma página é que deveria ser a linha órfã.

Como acredito que não tenha sido você a convencionar o termo, só me resta parabenizá-lo pela iniciativa de disseminar a informação.

nelson
nelson
01/07/2017 20:58

Como chamamos em inglês os termos equivalentes a linhas orfãs, viúvas e forcas?
Pode indicar algum tutorial no indesign qur já exista em inglês?

Grato

Cândido Ukelo
Cândido Ukelo
17/06/2017 04:01

Foi interessante a explicação do que sejam linhas viúvas, órfãs e forcas. Existem uma solução automatizada quando fazemos nossas publicações em indesign?

Carolina Flor
Carolina Flor
12/06/2017 11:51

Muito obrigada pela postagem! O assunto já foi tema de prova de concurso público e, de todas as explicações que vi na internet, a sua foi a mais simples e didática.

J. R. Porto
J. R. Porto
15/12/2015 19:15

“Espero que tenha gostado das dicas e que elas lhe sirvam para aprimorar seus futuros layouts.”
qual dica? Você mostrou o que é, mas é como resolver?
Tipo assim: Escrevo várias paginas, por causa das “viúvas” algumas páginas saem com (ex.) 30 linhas e outras com 29 ou 31. Não tem como padronizar?
Se puder fazer o favor de ajudar… Desde já agradeço.