Adobe recria pincéis de Edvard Munch para você usar no Photoshop

0
67

As obras de arte clássicas são estimadas por milhares de anos; Mona Lisa, A Noite Estrelada, a lista é infinita. Essas obras icônicas podem transcender o tempo nas ideias que provocam e agitam no observador.

Os heróis desconhecidos dessas pinturas famosas são as ferramentas que os criaram. Muitos museus mantêm os pincéis usados para criar essas obras-primas muito bem escondidos, em muitos casos, algumas obras de arte também são escondidas para evitar danos causados ​​por luz ou raios UV.

Para aumentar a acessibilidade dessas peças clássicas, museus de prestígio como The Met em Nova York e o The Rijksmuseum Amsterdam começaram a lançar suas coleções online.

Para celebrar a preservação digital das obras primas, a Adobe uniu-se ao The Munch Museum em Oslo e premiou o já premiado desenvolvedor de pinceis do Photoshop, Kyle T. Webster, para recriar versões digitais dos pincéis originais de mais de 100 anos usadas por Edvard Munch, pintor da obra de arte famosa The Scream (O Grito), para disponibilizá-los na Creative Cloud aos usuários do Photoshop e do Sketch no mundo todo.

Esta colaboração internacional, chamada de The Hidden Treasures of Creativity, abrirá infinitas possibilidades para uma nova geração de artistas e lhes permitirá usar as ferramentas esquecidas de um artista icônico na era digital de hoje.

Edvard Munch: um ícone da arte moderna

Edvard Munch é considerado um dos maiores artistas de todos os tempos. The Scream (O Grito), indiscutivelmente a pintura mais famosa de sua obra, é uma das mais reconhecidas do mundo. É também uma das pinturas mais valiosas da história, vendida em um leilão em 2012 por quase US$ 120 milhões. Imagine se um dia uma peça de arte digital fosse avaliada com o mesmo preço!

Nascido em 1863, Munch pintou por mais de sessenta anos até sua morte, em 1944. Seu artesanato excepcional e técnicas inovadoras fizeram dele um ícone da arte moderna. Hoje, seu legado continua, influenciando e inspirando artistas do mundo todo.

Quando Munch morreu, ele deixou todas suas obras de arte na cidade de Oslo e hoje muitas de suas pinturas podem ser admiradas no Museu Munch. As ferramentas de Munch também foram doadas e agora são preservadas nos arquivos de museus altamente restritos, onde têm permanecido até então.

Transformando os picéis de Munch em pincéis do Photoshop

Para comemorar o compartilhamento destas ferramentas importantes com o mundo, a Adobe se dedicou a recriar digitalmente sete dos pincéis originais do museu. Isso foi feito fotografando cuidadosamente cada pincel em 360 graus usando câmeras de alta resolução para documentar todos os ângulos e detalhes, para criar uma representação tridimensional precisa.

O estilo artístico e a pincelada de Munch foram cuidadosamente analisados ​​pelos historiadores da arte e combinados com dados sobre os atributos dos pincéis, incluindo propriedades físicas, como flexibilidade e tipo de cerdas.

Essas ideias foram combinadas com o conhecimento e experiência de Kyle T. Webster, que é conhecido por muitos como a principal autoridade do mundo em pincéis para Photoshop. Suas ilustrações e pincéis são admirados em todo o mundo. Em colaboração com os especialistas do museu, Kyle transformou todos os dados em representações digitais dos pincéis de Munch, capturando a forma exata e os atributos de desempenho de cada pincel em formato digital e em detalhes minuciosos.

Baixe os pincéis e participe do desafio #MunchContest!

A partir de agora você também pode pintar como um dos grandes artistas com o conjunto exclusivo de pincéis Edward Munch disponíveis para Photoshop e Sketch, tudo em formato digital. Baixe os pincéis gratuitamente aqui e não se esqueça de verificar os tutoriais de suporte no YouTube!

Não é só isso – a Adobe também estará executando um concurso nas próximas quatro semanas, de 15 de junho a 14 de julho, para encorajar os usuários do Photoshop e Sketch a usar esses pincéis exclusivos e criar suas próprias versões da pintura mais famosa e icônica de Munch, ‘O grito’. Edvard Munch fez quatro versões diferentes da obra de arte e, 80 anos depois, estão desafiando você e a comunidade de artistas do mundo todo, a criar ‘The 5th Scream’.

Acha que tem bagagem suficiente? Para participar, envie sua obra-prima carregando sua arte no Behance com a tag #MunchContest. Ao fazer isso, você terá a chance de ter sua obra de arte exibida ao lado das grandes obras de Munch, no Museu Munch em Oslo, e como parte de uma coleção especial do Behance.

Além disso, o vencedor receberá um prêmio em dinheiro de € 6.000 (seis mil fucking euros) e uma viagem com todas as despesas pagas para o Adobe MAX, em Las Vegas, de 18 a 20 de outubro de 2017.

Todas as inscrições serão avaliadas quanto à originalidade, composição artística, consistência com o tema e criatividade por um painel dedicado de juízes. O jurado consistirá em Russell Brown e Michael Chaize da Adobe, Zach McCullough, lead designer do Behance, Andy Sandoz, ex-presidente da D&AD, e os principais artistas Kyle T. Webster, Therese Larsson, Suzanne Helming e Sebastien Hue. Os vencedores do concurso serão anunciados no dia 28 de julho de 2017.

Você pode ver todas as regras do concurso aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here