No aniversário de 150 anos da primeira edição do conto surrealista Alice no País das Maravilhas – de Lewis Carroll – foi à publico uma edição rara e muito cobiçada por colecionadores de livros raros e estudiosos, fazendo apenas aparições ocasionais para estudo ou o bloco de leilão.

Até que então, a Princeton University Press fez uma linda colaboração aos amantes do surrealismo: colocaram à público as ilustrações alucinantes de Dalí para o livro de Lewis Carroll.

Ao olhar para as pinturas de Salvador Dalí, pode se ter a sensação de que eles tropeçaram no próprio buraco de coelho de sua mente e de repente caem dentro de um terreno deserto, estéril e arquivado com objetos e criaturas abstratas.

O aparecimento da fusão de Dalí e o escritor e matemático Lewis Carroll, mostrou-se como a combinação perfeita – dois homens cujas mentes viajam muito além dos cantos de um conto de fada. Na década de 1960, um editor da Random House percebeu essa parceria genial, comissionando Dalí para ilustrar uma edição exclusiva de Alice no País das Maravilhas, da qual Dalí assinou todas as cópias.

O que foi um presente para todos que amam esses dois mundos até hoje! <3

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here