Dá para viver de caligrafia e lettering?

Nesse artigo eu vou responder se é possível viver de caligrafia e lettering e te dar algumas dicas para tornar isso possível.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Essa é uma das dúvidas mais recorrentes em quem está iniciando seus estudos sobre caligrafia e lettering. Afinal de contas todos querem viver do seu trabalho, especialmente quando se trata de um trabalho que envolve algum tipo de arte e que ainda é pouco reconhecida e valorizada.

Bom a resposta para essa pergunta é simples, de forma direta posso lhe responder que sim, é extremamente possível viver do trabalho com caligrafia e lettering, porém eu devo admitir que essa é uma tarefa que exige um pouco mais de atenção por parte do .

Enquanto outras profissões mais bem estabelecidas no mercado conseguem lhe garantir uma boa remuneração e reconhecimento profissional, com o desenho de letras esse processo pode ser um pouco mais trabalhoso e exigir mais empenho de sua parte.

Sendo assim se você tem a intenção de trabalhar com caligrafia e lettering e, principalmente, viver desse trabalho, saiba que é possível e eu vou compartilhar com você nesse artigo algumas dicas valiosas que vão te ajudar a se estabelecer no mercado profissional e viver do trabalho com caligrafia e lettering.

1. Capacitação

O primeiro segredo para que você consiga viver de lettering e caligrafia é ter uma boa capacitação. Estou me referindo a saber fazer um bom trabalho. Isso inclui a realização de cursos, workshops e o estudo e a prática pessoal.

Comece fazendo um curso de caligrafia ou de lettering, esse é o primeiro passo mas não o único. Para se estabelecer bem no mercado você precisa dominar a habilidade do desenho de letras, pelo menos para os trabalhos mais básicos.

Não se limite a apenas um único curso, procure cursos de diferentes profissionais ou diferentes técnicas. Também é muito útil os eventos presenciais como oficinas, palestras, mini cursos etc. Obviamente que você também deve reservar um tempo para seus estudos pessoais que podem envolver a prática do desenho de letras e o estudo teórico.

2. Tenha um portfólio

Assim como viver de design, para viver de caligrafia e lettering você vai precisar de um bom portfólio. O desenho de letras é uma área cada vez mais crescente e que exige que você tenha seus trabalhos expostos em algum lugar, onde seus clientes em potencial possam ver suas habilidades bem como um pouco do seu histórico profissional, mesmo que ele ainda não seja tão vasto.

O ideal é que sua carreira caminhe sempre para ter um portfólio personalizado, porém comece ele o quanto antes e para isso você pode começar utilizando as plataformas gratuitas como o ou o próprio Instagram que é uma das principais vitrines de projetos envolvendo o desenho de letras.

Se você está começando e ainda não teve um invista nos trabalhos autorais, ou seja, aqueles que você faz para você mesmo com o intuito de mostrar suas habilidades no desenho de letras.

3. Organize suas finanças

Depois das habilidades de desenho de letras eu considero essa a principal habilidade para quem quer viver de caligrafia e lettering. Você precisa manter suas finanças sempre bem organizadas, isso significa que você precisa saber controlar os seus gastos, separar seus ganhos dos ganhos de sua empresa e manter um fundo de reserva.

Essas são tarefas que no princípio podem ser um pouco difíceis caso você não esteja acostumado, porém você deve procurar incorporá-las na gestão do seu negócio, sim, seu trabalho com caligrafia e lettering deve ser encarado como um negócio e você deve se ver como uma empresa de um único funcionário.

Gestão financeira é algo que pode envolver diversos fatores e eu não poderia falar sobre tudo em um único artigo mas quero destacar que essa sempre será um pilar para seu sucesso profissional então procure desde já aprimorar suas habilidades como um gestor, não apenas de projetos mas também de finanças.

4. Diversifique sua fonte de renda

Esse aqui é um dos segredos de se viver de caligrafia e lettering. Quando falamos em conseguir retirar seu sustento trabalhando apenas com o desenho de letras automaticamente pensamos em projetos gráficos. Pensamos em capas de livros, criação de marcas, campanhas publicitárias etc.

Porém existe toda uma gama de outras atividades que você também pode realizar para se tornar um complemento aos seus rendimentos. Posso citar como exemplo os cursos de lettering e caligrafia, tanto presenciais como online, você também pode criar produtos com artes em lettering para vender, pode vender suas artes em lettering para bancos de imagens e , pode fazer isso e muito mais.

É óbvio que essas ações não precisam surgir do dia para a noite, afinal de contas você ainda vai estar aprendendo e até mesmo começando suas atividades criativas, porém é importante que você veja essas possibilidades e procure incorporá-las gradativamente em seu trabalho.

Difícil mas vale a pena

Depois de ler tudo isso você pode pensar que é um caminho muito difícil a ser percorrido e que talvez você nem consiga alcançar esse objetivo, mas eu posso lhe garantir que é algo que vale muito a pena, quando você começa a entender o universo do desenho de letras você perceberá o quanto ele é fascinante.

Uma outra vantagem que sempre destaco é que a caligrafia e o lettering são habilidades cada vez mais procuradas no meio criativo e ao se empenhar para dominar essas técnicas você estará se tornando um especialista e deixará de ser colocado no mesmo grupo de profissionais e não profissionais que realizam trabalhos generalistas e cuja quantidade no mercado é muito maior.

Antes de pensar que é uma tarefa difícil saiba que viver de caligrafia e lettering é possível e estamos vivendo uma das melhores épocas para tornar isso possível, nunca houveram tantos cursos disponíveis em nosso idioma, muitos livros estão disponíveis e cada vez mais serão lançados e principalmente o mercado está aquecido, marcas e empresas estão buscando cada vez mais por letras criativas e personalizadas para tornarem seus projetos únicos.

E você está esperando o que para fazer parte desse mercado em expansão? Agora eu quero saber a sua opinião, me responde aí nos comentários: você já pensou em trabalhar com caligrafia e lettering? O que lhe impede de começar o processo hoje mesmo?

Muito bem eu espero que você tenha gostado de mais esse artigo e que ele tenha te ajudado de alguma forma. Hoje vou ficando por aqui, um grande abraço e até a próxima.

Conteúdo

Conteúdo relacionado

Comentários

O que você achou deste texto? Use a seção de comentários abaixo para tirar suas dúvidas, sugerir novos conteúdos ou para conversar comigo e a comunidade.

0 0 votes
Avaliação deste post
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments